terça, 25 outubro 2022 13:47

Distribuição de fruta nas escolas promove alimentação saudável

O Município de Oliveira do Hospital assinalou o Dia Mundial da Alimentação com o regresso da iniciativa de distribuição gratuita de fruta a todos os alunos do ensino Pré-escolar e do 1.º CEB dos Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital.

A medida chega a cerca de 850 crianças e resulta de um investimento da autarquia superior a nove mil e trezentos euros.

A iniciativa é desenvolvida no âmbito do Regime Fruta Escolar do projeto municipal “Escola + Saudável”, implementado nas escolas do Pré-escolar e do 1.ºCEB do AEOH – Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital.

O início da distribuição da fruta foi assinalado simbolicamente pela vereadora da Educação da Câmara Municipal, Graça Silva, na atividade “Fruta e mel comer para saudável crescer”, que decorreu na EB1 de Oliveira do Hospital, no âmbito do Dia Mundial da Alimentação, efeméride celebrada a 16 de outubro.

Através do Regime Fruta Escolar, o Município de Oliveira do Hospital, “consciente da importância da inclusão da fruta na dieta alimentar dos alunos que frequentam as escolas do concelho”, dá, assim, continuidade, a um “programa fundamental na alimentação infantil e que vem de um compromisso já assumido nos anos anteriores”.

Deste modo, é distribuída gratuitamente uma peça de fruta a cada aluno, duas vezes por semanas, à terça-feira e quinta-feira, até ao final do ano letivo, “como forma e contributo” para a educação alimentar e a promoção da saúde em contexto escolar e capacitar as crianças e as famílias para a adoção de hábitos de consumo de fruta, em substituição de lanches de fraca qualidade alimentar.

O projeto “Fruta Escolar” visa a distribuição gratuita de frutas e produtos hortícolas nos estabelecimentos de ensino público do Município, com o objetivo da aquisição e promoção de hábitos de educação alimentar e de uma dieta equilibrada entre as crianças, conseguindo, contribuindo, assim, para uma redução da obesidade infantil.

Paralelamente ao programa “Fruta Escolar”, a autarquia fomenta outras iniciativas no âmbito da alimentação, ancoradas ao projeto “Escola + Saudável” e em parceria com entidades locais, como a UCC Pinheiro dos Abraços.

Entre outros, a “Refeição diária saudável”, o “Lanche Saudável”, “Os Heróis da Fruta”, da APCOI – Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil e o Programa “Os Super Saudáveis” da Liga Portuguesa Contra o Cancro.

Ainda no âmbito da atividade “Fruta e mel comer para saudável crescer”, as turmas da EB1 de Oliveira do Hospital desenvolveram atividades alusivas à alimentação, numa manhã que culminou com um lanche saudável composto por fruta à peça, gelatina com pedaços de frutos e mini-tostas com mel.

Decorreu igualmente a primeira ação integrada do “Projeto Abelhar”, de flexibilidade curricular e de preservação e de educação ambiental, desenvolvido pelo AEOH e implementado na comunidade escolar.

É um projeto que visa dotar as crianças de conhecimentos e alertar para a importância de eco-sistemas fundamentais para a sobrevivência das espécies e que se centra, “sem dúvida, na preocupação de um aluno bem alimentado”, refere a responsável da Educação do Município.

“Quando esse aluno se habitua a comer bem, terá certamente mais saúde e melhores condições para adquirir mais competências e desenvolver capacidades de aprendizagem”, concluiu Graça Silva.

        

ptnlenfres

CONTACTOS

 

Username *
Password *
Remember Me