segunda, 11 julho 2022 13:18

Presidente da Câmara ativa Plano Municipal de Emergência

O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, José Francisco Rolo, enquanto responsável máximo da Proteção Civil do concelho, ativou, às 00h00, desta segunda-feira, dia 11 de julho, o Plano Municipal de Emergência.

Portugal continental encontra-se em situação de contingência a desde segunda-feira, dia 11, até às 23h59 de sexta-feira, dia 15, por força do aumento das temperaturas previstas para toda a semana, que apontam para o agravamento do risco de incêndio para níveis máximos, com temperaturas a ultrapassar os 45ºC em algumas localidades.

A decisão da ativação do Plano Municipal de Emergência de Oliveira do Hospital, surge na sequência do despacho do Governo de declaração da Situação de Contingência, após parecer emitido pela ANEPC - Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, no seguimento da elevação de estado de alerta especial do SIOPS – Sistema Integrado de Operações de Proteção e Socorro, para o DECIR – Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais.

A declaração da situação de contingência implica ainda o imediato acionamento de todos os planos de emergência e proteção civil nos diferentes níveis territoriais e a passagem ao Estado de Alerta Especial de nível vermelho, do DECIR, para todos os distritos, com mobilização de todos os meios disponíveis.

Com a ativação do Plano Municipal de Emergência é necessária a adoção de medidas preventivas e especiais de reação, para fazer face ao risco máximo de incêndio rural e ao aumento do risco das condições de segurança e bem-estar da população.

O reforço do dispositivo dos Corpos de Bombeiros, o aumento do grau de prontidão e a mobilização de equipas de emergência médica e saúde, a resposta operacional por parte das forças policiais, com o reforço de meios para operações de vigilância, fiscalização e patrulhamentos dissuasores de comportamentos e de apoio geral às operações de proteção e socorro que possam vir a ser desencadeadas, são outras da medidas adotadas.

O período em vigor implica ainda a mobilização em permanência das equipas de Sapadores Florestais e do Corpo Nacional de Agentes Florestais e dos Vigilantes da Natureza que integram o dispositivo de prevenção e combate a incêndios e o aumento do nível de prontidão das equipas de resposta das entidades com especial dever de cooperação nas áreas das comunicações e energia.

Oliveira do Hospital tem na memória da história recente do concelho as consequências nefastas para a população provocados pelos incêndios, nomeadamente os incêndios de 15 de outubro de 2022.

Atento à declaração de Situação de Contingência e à consequente ativação automática dos Planos Municipais, Distritais e Nacionais de Emergência, e atento à elevação do Estado de Alerta Especial do DECIR para nível VERMELHO, José Francisco Rolo participou, ontem, na reunião da Comissão Distrital de Incêndios Rurais, juntamente com o coordenador da Proteção Civil Municipal de Oliveira do Hospital, José Carlos Marques.

O encontro foi dinamizado pelo Comandante Distrital de Operações de Socorro, Carlos Luís Tavares, e presidido pelo Presidente da Comissão Distrital de Proteção Civil, Emílio Torrão, teve a presença de todos os representantes dos municípios da CIM - Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra e serviu de preparação das ações a desenvolver no âmbito da prevenção e vigilância de incêndios.

O Município de Oliveira do Hospital apela e recomenda a toda a população que sejam adotados comportamentos responsáveis de segurança e prevenção de riscos, face à situação de perigo de incêndio rural, de acordo com a legislação em vigor.  Leia as medidas preventivas, aqui

 

 

        

ptnlenfres

CONTACTOS

 

Username *
Password *
Remember Me