quinta, 14 julho 2022 10:36

Bombeiros de Oliveira do Hospital reforçados com nova Equipa de Intervenção Permanente

 

Oliveira do Hospital acaba de ver aprovada a constituição de mais uma Equipa de Intervenção Permanente (EIP) nos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Hospital. O protocolo relativo às Condições de Contratação e Funcionamento das Equipas de Intervenção Permanente, a celebrar entre a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), o MOH e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Hospital, foi aprovado por unanimidade na recente reunião do executivo da Câmara Municipal.

A partir deste momento, Oliveira do Hospital passa a dispor de cinco EIP, três delas a funcionar na Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Hospital e duas na Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Lagares da Beira.

É o município com mais Equipas de Intervenção Permanente aprovadas, no distrito de Coimbra, o que reflete o empenho e investimento da autarquia de Oliveira do Hospital na proteção de pessoas e bens. Recorde-se que o custo de cada EIP é comparticipado em partes iguais pela ANEPC e a autarquia de Oliveira do Hospital que investe cerca de 37 mil euros por ano para o funcionamento de cada uma das, agora, cinco EIP.

O presidente da Câmara Municipal, José Francisco Rolo congratula-se pela aprovação de mais uma Equipa de Intervenção Permanente que fica ao “serviço das populações do concelho”, e embora lamente que, neste último concurso a candidatura apresentada pelos Bombeiros Voluntários de Lagares da Beira para constituição de uma terceira EIP, não tenha sido aprovada, assegura que “estamos a trabalhar no sentido de envidar todos os esforços no sentido de concretizar este objetivo”.

“Estamos a trabalhar para a aprovação de uma terceira EIP em conjunto com a Direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Lagares da Beira e também com o Sr. Deputado José Carlos Alexandrino, que está também empenhado e imbuído do mesmo espírito, para que esta terceira EIP seja aprovada para o concelho de Oliveira do Hospital, desta vez alocada aos Bombeiros Voluntários de Lagares da Beira”, afirma o autarca.

José Francisco Rolo realça que este “é um investimento na Proteção Civil, é um investimento na proteção dos cidadãos e possibilita o reforço da capacidade operacional dos nossos bombeiros” tão necessários especialmente numa altura em que o município de Oliveira do Hospital está sob aviso vermelho, o mais grave, segundo o IPMA, devido ao tempo quente e à persistência de valores extremamente elevados de temperatura máxima, e em perigo máximo de incêndio rural.

A constituição das EIP vem melhorar a eficiência da proteção civil e as condições de prevenção e socorro face a acidentes e catástrofes, mediante a valorização das associações e dos corpos de bombeiros voluntários, enquanto verdadeiros pilares do sistema de proteção e socorro, através do reforço dos incentivos ao voluntariado, do apoio ao funcionamento e ao equipamento e do pleno aproveitamento das capacidades operacionais e de comando.

Assim, é valorizada e reforçada a profissionalização dos operacionais promovendo o desenvolvimento das EIP em parceria com os municípios e com as associações humanitárias de bombeiros garantindo prontidão na resposta às ocorrências que impliquem intervenções de socorro às populações e de defesa dos seus bens. Com formação específica, cada EIP é constituída por cinco elementos e está vocacionada para a primeira intervenção, seja em incêndios ou acidentes de viação, melhorando a prontidão dos bombeiros, evitando muitas vezes a necessidade de acionar outros meios.

        

ptnlenfres

CONTACTOS

 

Username *
Password *
Remember Me